SENSUMED Oncologia lança Campanha Permanente de combate ao câncer de colo uterino no Amazonas

A SENSUMED Oncologia lançou a Campanha Permanente de Conscientização sobre o câncer de colo de útero, neste dia 4 de Fevereiro de 2019, mesma data de mobilização do Dia Mundial do Câncer, instituído em 2005, pela União Internacional para o Controle do Câncer (UICC), com o principal objetivo de fazer um maior número de pessoas ao redor do Planeta fale sobre a doença. No Amazonas, avalia o oncologista clínico e diretor técnico da clínica, Dr. William Fuzita, é importante destacar e combater efetivamente o câncer de colo de útero.

“Pelas estatísticas e números de todo o Brasil, o câncer de colo de útero sempre aparece em 4º ou 5º lugares e, infelizmente, em nosso Estado aparece em 1º lugar de incidência”, enfatiza o especialista. A Campanha Permanente conta com o envolvimento de toda a equipe transdisciplinar da clínica, na divulgação de informação sobre prevenção a todos e, especialmente, incentivo à vacinação contra o HPV (vírus papiloma humano).

O oncologista clínico ressalta a importância do engajamento de todos – autoridades, profissionais de saúde, veículos de comunicação e, obviamente, a população -, nessa luta. “Temos uma ferramenta extremamente eficaz contra esse tumor – a vacina contra o vírus HPV –, e devemos usá-la pelo bem de nossas futuras gerações”, alerta o médico, ao lembrar o exemplo da Austrália, considerada líder global na prevenção desse câncer, foi um dos primeiros países a colocar a vacina contra o vírus HPV no sistema público de saúde, em 2007.

E em 2018, relembra o médico, divulgaram que estão praticamente com incidência Zero de câncer de colo de útero. Segundo o estudo apresentado, a erradicação Zero mesmo é a partir de 2020 e até 2028 não terão mais nenhum caso de câncer relacionado ao vírus HPV. “Esse é um exemplo que devemos seguir. A nossa vacina contra o vírus HPV é a mesma utilizada na Austrália – a tetravalente –, que são para 4 tipos de vírus diferentes, disponível no SUS para meninas de 9 aos 14 anos e para os meninos de 11 aos 14 anos”, reforça William Fuzita.

Outras duas campanhas reforçam essa luta contra o câncer de colo de útero, no mês de janeiro, com a conscientização mundial, representada pelo laço verde claro; e no mês de março, a campanha estadual do Amazonas, representada pelo laço lilás.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *